sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Lumes para o Natal

O bolo é pequeno
mas podemos repartir...

O tempo é veloz,
podemos ao outro ouvir...

O mundo sucumbe,
podemos nos acudir...

Tanta gente esmorecida
clamando por nosso agir...

A bondade é uma centelha divina
que não podemos extinguir...

O coração humano é um deserto:
'inda podemos florir...