sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Buscando pelo espírito do Natal

Os olhares para as vitrines
Os pés para as nuvens
A cabeça para as contas
As pernas para os shoppings, as galerias e ruas
Os braços para as bolsas, sacolas e pacotes...

Mas o que se passa em seu coração?

Muitas coisas fúteis,
outros valores perecíveis...
Caprichos humanos que desertificam o planeta...
A deusa matéria desafiando as dimensões etéreas...

Mas o que se passa em seu coração?

Pessoas, sentimentos evasivos...
Alegrias, inebriantes e fugidias...
Impulsos, desatinos de consumo...
Atos mesquinhos que não melhoram o mundo...

Mas o que se passa em seu coração?

E os Natais de muitas luzes, mas sem brilho
De muitos ruÍdos, mas sem louvores
De muito frenesi, mas sem paz
De muitas máscaras, mas sem face

E o que se passa em seu coração?

E ombros "amigos" reclusos,
e palavras de gratidão omitidas,
e beijos não estalados,
e a atenção não atribuÍda,
e o perdão não desabrochado,
e um aniversariante esquecido...

Mas o que se passa em seu coração?