sábado, 14 de abril de 2012

Do amor e do tempo. Agarradinhos

Quebrar os relógios
quebrantar o tempo
O tempo
suspenso
O instante
surpreso
A saudade
em fuga
A presença
em fogo
ardendo
Ardendo
essa chama
que nos chama
-o amor