segunda-feira, 14 de maio de 2012

Ao estudante

Estudai, estudantada, estudai!
Há um rolo compressor que esmaga
quem não se dá em sacrifício nessa saga...
Marcha a China, estudante, batalhai!

O mercado é um dragão(não cansai!)
Vá na raça garantir a sua paga...
Vai que a tarde caia e a noite traga
a conta da artrite (lutai, lutai!)

É preciso esperança, matéria viva...
Esperança com dia e hora marcada...
Madrugadora esperança rediviva...

Animai, dançai com garra a toada...
Perseverai no sonho 'té carne viva...
Crê no galardão de tu' entifada...