domingo, 13 de maio de 2012

Quem dera...

Pudera se todos os dias
fossem dia das mãezinhas...
Daríamos as nossas mãezinhas,
consideração, todos os dias...

Beijaríamos, nas manhãzinhas,
nossas batalhadoras Marias...
Ao útero morninho das Marias,
seríamos gratos, nas manhãzinhas...

Dia das mães, dia sagrado...
Destilar amor à mãezinha de mel...
Nesse dia tem carinho dobrado

Minha consciência tem pesado,
por ter ligado pouco, docinho de mel...
Mas hoje tem carinho dobrado!