segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Inhambu-carapé

Na cor ferrugem e escura,
vem penosa a vida, e dura...
Sai semente, e vem cultura
-é soja, cana, algodão...
Sai gramínea, e vem pasto...
Some o Cerrado, e sem rastro...
O solo, sem arbusto, gasto...
Entra o silêncio, sai canção...