segunda-feira, 24 de setembro de 2012

pararu

Mais uma ave desconhecida...
Nenhum ornitólogo elucida
os enigmas da dita vida...
Em antanhos, nos taquarais,
leves e livres,
nos montes, nos declives,
com seus azuis incríveis...
nas matas virginais