segunda-feira, 17 de setembro de 2012

pardela-de-asa-larga

Eu sou a pardela-de-asa-larga...
Tive um dia ruim, uma noite amarga...
O rato é uma peste, o gato é praga...
Dilaceram ferozes, o meu ninho...
E as ameaças que vem do mar...
O barco com iscas, a me fisgar...
Turista e barulho, a me afugentar...
Minguou de fome, meu filhotinho...