terça-feira, 28 de maio de 2013

 
Aurora resplandescente
Sentir-se mansamente
Bem que germina eternamente
(cadê essa semente?)

  Paz, 'sperança eterna
  O homem pode ser bom
  e a poesia, terna

Força incandescente
o amor, estrela cadente
linda luzente
O amor é essa semente

  de paz, 'sperança eterna
  O homem pode ser bom
  e a poesia, terna

Joia rara
cara
(de)volver ao ar
arara

  Paz, 'sperança no peito
  O homem pode ser bom
  O mundo pode ter jeito

'inda bom vento
'inda não finda luz
nesse tempo
'inda pinga o bem
no gesto, no pensamento

  Paz, sonho real
  Petrificar o mal
  em estátua de sal

Gaiolas grotescas
Cidades dantescas
A Terra é um educandário
Cursamos o estágio primário

  Tirar armas da luta
  Restaurar sorriso
  na face enxuta

Família, retomai o leme,
sê mão, sê boa mãe,
abarcai teus rebentos, família!
(o mundo perene)

  Paz, 'sperança terna
  O homem pode ser bom
  e a poesia, eterna