domingo, 13 de outubro de 2013

Encantos da manjedoura

De palha,
mas ouro reluz
A singeleza
-assim quis Jesus

Com amor
o acolheram seus pais
e com calor
os animais

Sob olhos de Reis
e simples pastores
Sob manta quentinha
sem muitas cores

lá está o Menino
ladeado de afeto...
A estrela-guia
indicara certo

A esperança,
deitada em palha...
Misericórdia, 
do Pai que não falha...