segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

O Natal de João Goulart

Natal das reformas:
a agrária, a do coração...

Natal do amplo amor:
à vida, à nação...

Simples assim Natal,
distribuindo quinhão...

Natal da soberania,
a riqueza em nossa mão...

Natal mais Natal,
se é nossa a canção...

Natal especial:
minério sem abdução...

Natal nacional,
com trabalho e ganha-pão...

A América é do Sul,
sem intromissão...

O Natal é social...
E a burguesia, apreensão