sábado, 3 de maio de 2014

O que leva o enfermeiro a correr atrás da bola?

Sobre quem sutura
nossas auguras...

Espeta com amor
as nossas veias ...

Brincar de bola,
o plantonista:

esquecer os gritos
mais estridentes...

Noites difíceis,
co’as parturientes...

O do jaleco alvo,
que agora trava...

Jogo duro,
mas prazeroso...

Turma da bola,
berra mais alto...

Que mulher de mola,
que dá luz à bola