quarta-feira, 25 de junho de 2014

O que levou a seleção da Bósnia-Herzegovina de 2014 a correr atrás da bola?

Cicatrizes profundas,
feridas nas guerras...

Malditas bombas,
que destroçaram sonhos !

Choraram crianças,
e os homens choraram...

Cidades queimaram,
tal um Vesúvio ativo...

A rosa era negra,
e era Hiroshima...

Os povos eram mágoas,
e não se entendiam...

As religiões várias,
paz não selavam...

As etnias várias,
que se isolavam...

Os governos vários,
que se mordiam...

Mas vem o futebol,
secando as feridas físicas...

Vem o futebol,
pra unir bosníacos,

e sérvios, e croatas,
cristãos, muçulmanos...

Vem o futebol,
vem a esperança...

Vem erguer a cabeça,
reconstruir os lares...

E a possibilidade,
restaurar o mundo...

Encerrar as guerras,
unir os povos...

Nas mãos que se dão
nas praças repletas:

são crenças, cores,
línguas, humanidades...

Vem seleção nacional,
vem torcida fanática...

Vem o futebol,
quem sabe a paz vem......