sábado, 9 de agosto de 2014

Visitante nº28

Ao Menino da face rosada,
rosa Lhe trago, não de Hiroshima:
rosa dos ventos que orienta,
rosa do deserto magenta,
rosa que ternura salienta...
Rosa, rosa, rosa,
beldade benta!
Amorosa tal Noel Rosa,
valorosa nessa orbe infernal,
eu sou... o Aroma do colo maternal