terça-feira, 5 de abril de 2016

Passos de Ruschi


Plácidos passos:
não espavorir pássaros...

Passos profundos:
covas donde fecundos...

Néctares oriundos
flores fluorescem...

Aranhas sem medo
a seu modo tecem...

Passos complacentes,
co'o dourado-mico...

Amigos humanais
pasmem, coabitam!

Passos, passos,
sob viço de relva...

Passos passam,
sob a tenra terra...

Lentos eles passam,
desapressados...

No encalço dos nichos:
os mais lesados